Clima e Tempo

tempo

 A circulação de ventos e o deslocamento das massas de ar são fatores preponderantes nas mudanças, quase que diários, do tempo meteorológico.

Tempo Meteorológico, portanto, é o estado momentâneo da atmosfera em uma porção da superfície terrestre; ele é determinado verificando-se se nesse lugar está frio ou calor, se há chuva ou se o céu está limpo, se há brisa ou vendaval etc.
Com base na observação contínua do tempo meteorológico é possível estabelecer as principais características do clima de uma região.

O Clima de um lugar é a reunião das condições atmosféricas (temperatura, umidade e pressão do ar) mais marcantes em cada época do ano. Ou seja, clima é a sucessão habitual de tipos semelhantes de tempo meteorológicos, que acabam por caracterizar os meses como mais frios ou mais quentes, mais secos ou mais chuvosos e assim por diante. Portanto, quando dizemos que o dia está quente e úmido, estamos nos referindo ao tempo, ao comportamento da atmosfera naquele instante. Em contrapartida, se dissermos que o sertão nordestino é quente e seco o ano inteiro, estamos nos referindo ao clima da região.

O Clima de um local é caracterizado de acordo com a Organização Meteorológica Mundial (OMM), que define as Normais como “valores médios calculados para um período relativamente longo e uniforme, compreendendo, no mínimo, três décadas consecutivas”. As normais climatológicas indicam as condições médias do estado da atmosfera do local e isso possibilita se caracterizar o seu clima e a comparação entre localidades. As previsões de tempo tornaram-se fundamentais nos dias de hoje. Saber como será o comportamento do tempo com antecedência é essencial para o bom desempenho de diferentes atividades econômicas, como a agricultura, a pesca, o transporte e a telecomunicação. Além disso, ajuda na prevenção contra catástrofes naturais.

Os estudos meteorológicos vêm se tornando cada vez mais precisos, sobretudo, no que se refere à previsão do tempo. O emprego de um avançado aparato tecnológico, composto entre outros recursos como satélites artificiais, supercomputadores e uma rede mundial de coleta de dados atmosféricos, tem garantido previsões do tempo mais seguras em todas as partes do planeta. Assim, por meio de boletins meteorológicos, torna-se possível, por exemplo, monitorar com antecedência fenômenos atmosféricos adversos, como a formação de nevascas, a precipitação de granizo, a passagem de um furacão ou, ainda, a ocorrência de períodos de estiagem ou de fortes chuvas (BOLIGIAN, 2004).

Entre as empresas que fazem o monitoramento do tempo e clima, em nível regional temos a EPAGRI/CIRAM, cujos dados podem ser acessados via internet pelo site: www.ciram.epagri.sc.gov.br. E em nível nacional o CPTEC/INPE, com dados disponíveis no seguinte endereço: www.cptec.inpe.br. Nesses sites, é possível obter informações sobre previsão do tempo e do clima, imagens de satélites, radiação ultravioleta, monitoramento de queimadas, fenômenos climáticos (El Niño e La Niña), entre outros. Na figura 1, passo a passo de como é feita a previsão do tempo.

Passo a passo para a Previsão do Tempo